26.8 C
Peru
Wednesday, June 16, 2021

Justiça dos EUA apreende leões, tigres e onça de parque da série 'Tiger Kings'

Must read

Série documental chegou à Netflix em abril de 2020

O Globo

21/05/2021 – 07:27
/ Atualizado em 21/05/2021 – 07:36

Joe Exotic é protagonista da série 'Máfia dos tigres' Foto: AFP / NETFLIX
Joe Exotic é protagonista da série ‘Máfia dos tigres’ Foto: AFP / NETFLIX

Agentes do Departamento de Justiça dos Estados Unidos apreenderam 69 felinos no parque da série “Tiger King” — “A Máfia dos Tigres”, na versão em português — exibida pela Netflix. Segundo as autoridades, o zoológico, que fica em Oklahoma, foi inspecionado três vezes desde dezembro de 2020 e diversas irregularidades em relação aos cuidados dos animais foram encontradas.

Patrícia Kogut:‘A máfia dos tigres’, da Netflix, atrai pela repulsão

Em comunicado, o Departamento informou que o casal Jeff e Lauren Lowe, que participa da série e administra o local atualmente não “fornece aos animais cuidados veterinários adequados ou oportunos, nutrição apropriada e abrigo que os protege das intempéries e é de tamanho suficiente para permitir que eles tenham um comportamento normal”. O casal também foi notificado  por não seguir as ordens judiciais para contratar um veterinário para garantir que a Lei de Bem-Estar Animal fosse cumprida.

Os Lowe foram parceiros de negócios de Joe Exotic, estrela da série, que era dono do parque. Joe cumpre atualmente uma sentença de 22 anos por envolvimento em uma rede de assassinato e abuso de animais.

Ao todo, sete leões, 46 tigres, 15 híbridos de leão-tigre e uma onça foram retirados do local. Alguns deles tinham deficiência de cálcio, porque não recebiam alimentação adequada.

No comunicado, o Departamento informou ainda que o casal assediou funcionários do governo durante as inspeções. Em uma das visitas, Lauren teria “ameaçando matar um oficial”.

“A declaração foi especialmente intimidante porque seu ex-parceiro de negócios Tiger King está cumprindo pena de prisão por contratar um assassino para matar um rival de negócios em outro estado”, afirma a denúncia.

spot_img

More articles

- Advertisement -

Latest article